Pseudo-código

O Pseudo-código é uma linguagem de alto nível bastante utilizada para especificar algoritmos de maneira operacional. Apesar de haver uma estruturação básica nas especificações feitas com a linguagem, não existe padronização e nem definição de uma sintaxe para esta linguagem. Desta forma caracterizando a especificação como Semi-Formal.

Este tipo de linguagem pode ser muito útil para esboçar algoritmos de maneira rápida. Uma outra vantagem do pseudo-código é que o seu entendimento é relativamente simples.

Apesar da ausência de padrões na utilização da linguagem, são utilizadas as estrutura de controle comuns na maioria das linguagens de uso genérico. Algumas destas são listadas abaixo:

ENTRADA/SAÍDA:
LER <var>
ESCREVE <var>

Exemplo:

LER nota1
LER nota2
LER nota2
ESCREVE nota1
ENQUANTO:
ENQUANTO <condição> ENTAO
  <instruções>
FIM-ENQUANTO

Exemplo:

LER arquivo
ENQUANTO arquivo != FIM ENTAO
  ESCREVE arquivo
FIM-ENQUANTO
SE:
SE <condição> ENTAO
  <instruções>
FIM-SE

Exemplo:

LER nome
SE nome != "Paulo" ENTAO
   ESCREVE "Nao achado"
FIM-SE
FAÇA:
FACA <var> = 0 ATE 10 ENTAO
  <instrução>
FIM-FACA

Exemplo:

LER A
LER B
Resultado = 0
FACA i = 0 ATE B ENTAO
   Resultado = Resultado + A
FIM-FACA
ESCREVE Resultado

Exemplo Critério de Aprovação UFRN

LER p1
LER p2
LER p3

média = (4*p1+5*p2+6*p3) / 15

SE média < 3 ENTAO
  ESCREVE "Aluno reprovado com " média
SENAO média >= 7 ENTAO
  ESCREVE "Aluno aprovado com " média
SENAO 
  LER p4
  média_final = (média+p4)/2
  SE média_final >= 5 ENTAO
    ESCREVE "Aluno aprovado com " média_final
  SENAO 
    ESCREVE "Aluno reprovado com " média_final
  FIM-SE
FIM-SE

Exemplo Busca Aluno

LER aluno-busca
LER lista-alunos
ENQUANTO não for final de lista-alunos ENTAO
  LER registro lista-alunos
  SE registro igual aluno-busca ENTAO
    ESCREVE "Aluno encontrado. Aluno: " registro
    SAIR-ENQUANTO
  FIM-SE
FIM-ENQUANTO
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License